APORMED

A APORMED é a associação de âmbito nacional com a maior representatividade das empresas que integram o setor de produção e distribuição de dispositivos médicos.

Fundada em 1990, foi considerada uma instituição de utilidade pública a 19 de Maio de 1995, pelos serviços prestados enquanto Organismo de Normalização Setorial.

A APORMED tem como missão a defesa dos interesses comuns e legítimos das empresas associadas.

Os objetivos principais da APORMED são:

  • Representação dos interesses comuns das empresas que produzem ou comercializam tecnologias para a saúde.
  • Promoção de elevados padrões de competitividade e de qualidade e de boas práticas comerciais entre os seus membros.
  • Promoção de um clima de colaboração e diálogo com as autoridades públicas do setor, a comunidade de prestadores de saúde e as organizações de defesa dos doentes, visando o apoio a todas as ações que reforcem as garantias de qualidade e segurança dos produtos e o pleno acesso dos cidadãos às tecnologias para a saúde mais inovadoras.
  • Apoio, através das organizações internacionais representativas do sector, à adoção de uma estratégia global de regulação.
  • Participação em campanhas destinadas a prevenir os riscos da inadequada utilização dos dispositivos médicos.
  • Promoção junto da opinião pública da relevância e benefícios das tecnologias para a saúde.
LogoBody

Body Interact

Clinical Training Platform | Simulação e Educação Clínica

“Nascido em 2012, em Coimbra, o Body Interact é um produto registado da Take the Wind (TTW), uma empresa líder em tecnologia para educação clínica presente em 37 países. A nossa missão é capacitar profissionais de saúde e estudantes para reduzir o impacto dos erros clínicos, todos os dias, em todo o mundo.

Com uma equipa extremamente talentosa e com um agradecimento especial àqueles que nos guiaram e apoiaram no início de nossa jornada, temos consistentemente combinado ciência, design e tecnologia para oferecer soluções de ponta e criar continuamente valor para nossos clientes e parceiros de negócios.”

Ao longo dos anos têm sido várias as distinções atribuídas ao Body Interact, dentro as quais se destaca o “Best in Show Award (runner-up)” da 15.ª Annual IMSH -International Meeting on Simulation in Healthcare conference”, realizada em San Diego, Califórnia, nos Estados Unidos da América.

Descobre mais nas plataformas online do Body Interact:

8323431_300x300.txt

MyNutriScan

Startup | Nutrition


MyNutriScan apresenta uma solução que promete melhorar a qualidade de vida e saúde da população, ao quebrar a barreira de interpretar os rótulos durante as compras no supermercado. É através da combinação das necessidades nutricionais do utilizador com as informações do produto alimentar, que fornecemos sugestões e recomendações personalizadas, tendo sempre em consideração os planos/metas nutricionais definidas por este ou pelo seu nutricionista.

A solução pode tomar a forma de uma aplicação móvel, que se encontra em fase de testes, ou de um plug-in para o browser, a pensar nas compras online.

“Our goal? Become the smart digital nutritionist, inside everyone’s pocket”.

Descobre mais nas plataformas online da MyNutriScan:

Clynx

Startup | Physical Rehabilitation

A Clynx oferece uma solução agradável e inovadora para os pacientes de fisioterapia. Esta abordagem permite ao paciente realizar exercícios fisioterapêuticos num ambiente de videojogo, ao mesmo tempo que toda a sua progressão lhe é disponibilizada, de modo digital e objetivo. Em adição, a utilização desta solução será possível tanto em sessões na clínica como no conforto da casa do paciente.

Descobre mais nas plataformas online da Clynx:

LisbonPH

Júnior Empresa da FFUL

A LisbonPH – Associação Juvenil para o Empreendedorismo da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa, é uma associação sem fins lucrativos, fundada e gerida por estudantes do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas, empreendedores, dinâmicos e com vontade de acrescentar valor à sua formação. É a primeira e, atualmente, a única Júnior Empresa federada no setor da Saúde em Portugal.

Para levar a cabo a nossa missão, dispomos de três serviços sendo eles organização de eventos científicos na área da Saúde, realização de cursos e-Learning acreditados pela Ordem dos Farmacêuticos e Consultoria científica, logística e de Marketing.

Descobre mais nas plataformas online da LisbonPH:

NeVARo

Startup | VR/AR e Neurociências

Hoje em dia, cerca de 450 milhões de pessoas em todo o mundo sofrem de doenças mentais.

Fobias são um dos grupos dessas doenças, relacionadas com ansiedade, e afetam cerca de 83 milhões de pessoas, só na União Europeia. Hoje em dia, os métodos de tratamento tradicionais, tais como psicoterapia e farmacologia, falham na objetividade das suas métricas (ex: averiguação de como a pessoa se sente), podem provocar efeitos adversos (ex: patologia aditiva), têm uma eficácia muito variável e exigem um período de tratamento muito prolongado, frequentemente com poucos resultados. Consequentemente, apenas 15-20% das pessoas com este tipo de distúrbios procuram os métodos comuns de tratamento, outros abandonam o processo ou ficam dependentes da medicação para toda a vida.

De modo a combater todas estas limitações, a NeVARo propõe uma solução inovadora de terapia digital para o tratamento de fobias, combinando Neurofeedback (bem como outros sinais fisiológicos do próprio paciente, em tempo real) com Terapia de Exposição por Realidade Aumentada/Virtual, gaming e algoritmos de inteligência artificial. Todos estes componentes são ligados por uma app móvel, permitindo assim, expandir o tratamento do consultório para a própria casa do paciente.

Descobre mais nas plataformas online da NeVARo:

ProteoMass

Scientific Society

Empowering personal health by engineering nanomaterials and new ultra-fast ultrasonic-based methodologies for precision phenotyping of individuals by disclosing medical information hidden on complex proteomes extracted from solid and liquid biopsies.

Applications to medical diagnostics, prognosis and therapy.

Harry Potter had used an ultrasonic device instead of a magic wand should he was living in the XXI century. And why is that?
Lets see. Ultrasounds are used in internal medicine since long time ago to imaging the unborn child. This is the most popular and wellknown use of ultrasound. However, there are other applications of ultrasound in health care. The art of breaking up kidney stones making them smaller so they can be expelled from the body has alleviated many people that have avoid surgery by using this technique.

Another application consists in using the power of ultrasound as an effective debridement tool. But there are more applications, some of them really magic. By careful calibration of the emitters and by using pairing real-time MRI imagery ultrasound can be used to treat liver tumours without the need for invasive surgery. Some other applications of ultrasounds in health care include immunotherapy-based cancer treatment and bone healing. In both cases ultrasound is used in conjunction with traditional therapies. In immunotherapy applications the treatment does not have the negative side effects of radiation therapy.

For the case of healing, healing rates gets increased from 24 to 42 percentage when applied to fresh fractures and up to 80% when applied to old fractures. But there is much more. Liver fibrosis and cirrhosis evaluation by traditional means (biopsies) seems to have its days numbered as the shear wave speed imaging will likely replace it. Other applications include breast cancer differentiation, thyroid nodule characterization, cardiac function and conduction analysis. Certainly ultrasonic energy is saving lives in many different ways

Tec2U Estudantes

Investigating correlations between penetrance scores, cognitive function and white matter microstructure in carriers of neurodevelopmental copy number variants

Ana Sofia de Castro Verde

Recent studies have shown that the white matter profile of the brain is highly affected by copy number variants (CNVs) conferring risk for several neurodevelopmental disorders, such as developmental delay and schizophrenia. The aim of this project is to find correlations between white matter microstructure of clinically healthy carriers of large recurrent CNVs and their cognitive performance as well as CNV penetrance. For that purpose, pre-processed Diffusion Tensor Imaging (DTI) data as well as cognitive and penetrance scores were analysed. From DTI data white matter indices were extracted, and then, it was performed both a whole brain analysis, using TBSS, and a regional brain analysis, through tractography and atlas registration. Overall, it was found white matter disruptions in clinically healthy neurodevelopmental CNV carriers comparing with healthy controls, associated with impaired cognition and higher CNV penetrance.

Sensor preditivo da doença de Alzheimer

Antonio Lopez

A doença de Alzheimer é uma doença crónica neurodegenerativa. Apresenta sintomas como perda de memória, apatia, desorientação, mudanças de humor, afasia progressiva, entre outros. É uma doença ainda algo “incompreendida” e pensa-se que poderá ter origem em mutações nalguns genes. Anatomicamente, é caracterizada pela presença de depósitos de proteínas β-amilóides e de emaranhados neurofibrilares, tudo isto resultado do envelhecimento mas também de um grande stress oxidativo. A doença de Alzheimer tem sido reportada como a epidemia do século, especialmente nos Países Industrializados, sendo natural que se procure maneiras eficazes de avaliar o risco do seu aparecimento até que seja encontrada uma cura ou um tratamento eficaz. 

Real-time eletromagnetic tracking of orthopaedic pins for robot-assisted fracture surgery

Beatriz Alves Martins

Open surgeries of joint fractures can result in painful and time-consuming recovery periods; however, such outcomes can be minimized with the use of less invasive robotic assistance and imagery-guidance. This article aims to give an overview of robot-assisted fracture surgery systems with a new electromagnetic tracking device; this research is inserted in a cooperative internship initiative with Bristol Robotics Laboratory.